Mar de livros | Literatura | O VELHO E O MAR, de Ernest Hemingway

Por Os Escafandristas

O escritor e jornalista norte-americano Ernest Hemingway escreveu O velho e o mar, em 1952. A obra atemporal narra uma das viagens do pescador Santiago ao mar. Há 84 dias, o velho nada pescava, mas encorajado pelo menino Manolin, faz mais uma tentativa.

“Tudo que nele existia era velho, com exceção dos olhos, que eram da cor do mar, alegres e indomáveis”, conta Hemingway ao descrever o protagonista.
Em outro momento, Santiago constata: “o homem não foi feito para a derrota – disse em voz alta. – Um homem pode ser destruído, mas nunca derrotado”.
O livro retrata metaforicamente a luta entre o homem e as intempéries da vida. Imperdível!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *